Home Esportes Bethe Correia provoca Holly Holm e termina nocauteada logo na sequência

Uma luta que começou monótona e terminou numa redenção em grande estilo. A ex-campeã peso-galo do UFC, Holly Holm, acabou com uma série de três derrotas seguidas e venceu com um grande nocaute a brasileira Bethe Correia, na luta principal do card de Singapura. A vitória veio com 1m09 do terceiro round, e Bethe tinha acabado de provocar a rival quando a resposta veio em forma de um chute em cheio no rosto da brasileira, que a levou à lona. Holly só precisou desferir mais dois golpes no chão para encerrar o duelo.

Holly Holm, quinta colocado do peso-galo, vinha de derrota para Germaine de Randamie em luta pelo cinturão do peso-pena. Agora, ela chega a 11 vitórias na carreira, que tem ainda três derrotas. Bethe Correia, número 11 no ranking, tem agora três derrotas no cartel, com 10 vitórias e um empate. A brasileira vinha justamente desse empate, com Marion Reneau.

Holly Holm x Bethe Correia UFC Singapura (Foto: Getty Images)

A luta

Com a luta prevista para cinco rounds, as lutadoras praticamente apenas se estudaram nos primeiros cinco minutos, e faltou bastante agressividade. Holly Holm com um chute e dois pisões foi levemente mais efetiva. Bethe Correia, quando conseguia a esquiva ou passava perto de acertar a americana, debochava dela rindo e comemorando.

A luta voltou praticamente do mesmo jeito para o round seguinte, tanto que o árbitro Marc Goddard parou o duelo restando 1m30 para o fim e ameaçou tirar pontos se as duas não fossem mais efetivas. E deu resultado. Saíram mais chutes e tentativas de conectar socos, e a brasileira ainda agarrou as costas da americana no fim, mas sem tempo de tentar algo mais.

Eis que, no terceiro round, Holly começou já conectando um chute na cintura, e outro na perna da brasileira. A americana ainda jogou um jab e saiu do alcance da paraibana, que gesticulou chamando Holly para cima. Bethe Correia tanto provocou que levou um chutaço de Holly no rosto. A brasileira já caiu aérea e Holly deu mais dois socos para acabar com a luta com um nocaute.

UFC: Holm x Correia
17 de junho, em Singapura
CARD PRINCIPAL
Peso-galo: Holly Holm x Bethe Correia por nocaute a 1m09s do R3
Marcin Tybura venceu Andrei Arlovski por decisão unânime (29-28, 28-27, 29-27)
Colby Covington venceu Dong Hyun Kim por decisão unânime (30-25, 30-26, 30-27)
Rafael dos Anjos venceu Tarec Saffiedine por decisão unânime (30-27, 30-27, 29-28)
CARD PRELIMINAR
Jon Tuck venceu Takanori Gomi por finalização a 1m12s do R1
Walt Harris venceu Cyril Asker por nocaute técnico a 1m44s do R1
Alex Caceres venceu Rolando Dy por nocaute técnico (interrupção médica) aos 5m00s do R2
Ulka Sasaki venceu Justin Scoggins por finalização aos 3m19s do R2
Li Jingliang venceu Frank Camacho por decisão unânime (29-27, 28-27, 29-27)
Russell Doane venceu Kwan Ho Kwak por nocaute técnico aos 4m09s do R1
Naoki Inoue venceu Carls John de Tomas por decisão unânime (triplo 30-26)
Lucie Pudilova venceu Ji Yeon Kim por decisão unânime (triplo 29-28)

Deixe uma mensagem