Home Itacoatiara Professora é morta a facadas em casa em Itacoatiara-AM; suspeito foi identificado.

Uma professora morreu depois de ser esfaqueada na madrugada desta quarta-feira (7), em Itacoatiara, município a 270 km de distância de Manaus. Alessandra Gomes, de 38 anos, foi encontrada ferida na casa onde morava.

Segundo familiares e amigos, por volta das 23h dessa terça-feira (6), Alessandra Gomes foi encontrada com várias perfurações de faca pelo corpo, na residência localizada no bairro São Francisco. A porta do quarto da professora apresentava sinais de arrombamento. Os filhos da educadora, de 3 e 6 anos, estavam na casa no momento do crime.

A professora foi levada gravemente ferida para o hospital de Itacoatiara, mas não resistiu e morreu, por volta de 1h.

A Polícia Civil investiga o caso e informou que nenhum pertence da vítima sumiu, o que descartaria, inicialmente, latrocínio (roubo seguido de morte). Um suspeito já foi identificado, mas a polícia não divulgou sua identidade para não atrapalhar o andamento das investigações.

Alessandra Gomes era gestora da Escola Municipal Osmarina Melo de Oliveira, situada no Conjunto Residencial Poranga, situada no km 4 AM-010. A vítima também atuava como professora da rede estadual de ensino do Amazonas.

O delegado da Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Itacoatiara, Lázaro Mendes, determinou que o corpo fosse encaminhado ao Instituto Médico-Legal (IML) em Manaus para passar por exame de necrópsia e verificar a suspeita de que vítima tenha sofrido violência sexual. O carro da funerária fará o translado até capital para acelerar o procedimento.

O corpo da professora será velado na Quadra Escola Municipal Jamel Amed, na avenida Parque no Centro de Itacoatiara. A previsão é que a educadora seja sepultada ainda nesta quarta-feira. Um cortejo levará o corpo até a escola onde Alessandra Gomes era diretora. Na comunidade rural, um culto ecumênico será realizado. Logo após o corpo retornará para o Cemitério Divino Espírito, na Zona Urbana da cidade.

A Secretaria Municipal de Educação (Semed) de Itacoatiara emitiu nota em solidariedade à família da professora Alessandra Gomes e em repúdio a qualquer ato de violência contra o ser humano.

Deixe uma resposta